quinta-feira, junho 12, 2014

UM DIA NA VIDA



Sem querer deixei de colocar UM DIA NA VIDA (2010) na lista de filmes a escrever a respeito. Quando percebi, vi que já se passaram muitos dias (meses). Mas não posso deixar de registrar algumas palavras sobre este trabalho estranho e fascinante que partiu de um dos nossos maiores cineastas, que infelizmente se foi de uma das maneiras mais terríveis que se pode imaginar. Tão brutal e horrível quanto um dos programas policiais sensacionalistas que ele apresenta em seu recorte.

Uma das características do cinema de Coutinho é trazer sempre uma ideia muito boa e conseguir buscar de seus entrevistados momentos mágicos, conseguindo algo, muitas vezes, do acaso. Mas em UM DIA NA VIDA, o cineasta não precisou ligar sua câmera uma vez sequer. Trata-se da seleção e colagem em 90 minutos de duração da programação dos canais Bandeirantes, CNT, Globo, MTV, Record, RedeTV, SBT e TV Brasil da manhã do primeiro dia do ano de 2009 até a madrugada do segundo dia. Há, inclusive, algumas propagandas. De 19 horas de televisão, ele simula o que seria alguém zapeando pelo mondo bizarro da televisão brasileira.

Quem teve a sorte de ver este filme no cinema deve ter experimentado uma sensação mais forte, já que ver na tela do cinema esta série de programas de televisão deve causar uma sensação maior de estranhamento e a uma percepção mais aguda dos aspectos alienantes, misóginos e imbecilizantes que são mostrados.

Infelizmente UM DIA NA VIDA não pôde ser lançado comercialmente, naturalmente, por problemas de direitos autorais, mas felizmente alguém o lançou na internet a tempo de conseguirmos pegá-lo para ver. É, sim, mais um projeto inovador de Coutinho, assim como foram CABRA MARCADO PARA MORRER (1985) e JOGO DE CENA (2007), para citar dois filmes de transição do cineasta.

Algumas "cenas" marcantes: o cirurgião plástico Dr. Hollywood falando das características da beleza ideal (lembrando o nazismo); Wagner Moura em seu programa, depois de mostrar um homem chutando a cabeça de uma mulher, dizendo o que se deve fazer quando sua namorada ou mulher estiver enfurecida ("só segurá-las pelo braço e pronto!"); o programa que mostra o cinto que disfarça a barriga da mulher; a transformação extrema de uma mulher humilde e de traços não muito bonitos; o ex-Raimundos Rodolfo sendo flagrado numa pregação-show do Pastor Silas Malafaia, que cria detalhes da luta entre Davi e Golias. O que deixa a gente confuso é que há também algumas coisas legais, como o Massacration tocando com o Falcão no VMB da MTV e um trecho do programa do Chaves.

Nenhum comentário: