quarta-feira, dezembro 24, 2014

THE AFFAIR – PRIMEIRA TEMPORADA (The Affair – Season One)



Uma das melhores surpresas dentre as novas séries de televisão do ano, THE AFFAIR (2014) se destaca menos pela história e mais pela sua estrutura. Não apenas pela divisão em partes que mostram as versões da história dos pontos de vista de Noah (Dominic West) e Alison (Ruth Wilson), mas em lidar com a noção de verdade e mentira na imagem impressa, uma vez que descobrimos, já no primeiro episódio, que não devemos confiar inteiramente em nenhuma das duas versões apresentadas, como numa espécie de RASHOMON contemporâneo.

Na trama, Noah é um professor de escola, pai de uma grande família (quatro filhos – duas crianças e dois adolescentes), que vai passar as férias com os filhos e a esposa Helen (Maura Tirney) em uma pequena cidade do estado de Nova York, lar dos pais ricos de Helen. O local é cheio de casas de praia, mas tem uma história própria, que abriga também alguns segredos sombrios, como praticamente toda pequena cidade tem.

É neste local paradisíaco que Noah conhece a garçonete Alison, uma mulher que ajudou a evitar (de maneira mais ou menos ativa, dependendo de cada versão) que um dos filhos de Noah e Helen morresse engasgado. Curiosamente, a primeira parte, centrada em Noah, o mostra passando por uma espécie de fase de sucesso com as mulheres. Todas olham para ele ou se mostram interessadas pelo menos em um sexo sem compromisso. Só isso já dá pra desconfiar um pouco, já que o personagem, ou mesmo o ator Dominic West, não é nenhum galã.

A história de Alison é mais marcada por uma tragédia relativamente recente, a da morte por afogamento de seu filho pequeno. Desde então, ela não tem conseguido se sentir à vontade com o marido Cole (Joshua Jackson). Isso é uma justificativa por sua fuga, não apenas do casamento, mas da vida que leva, o que acabou facilitando sua entrega a Noah, que representa uma aventura totalmente nova que veio a se transformar em paixão. Ou algo doentiamente parecido.

O affair dos dois demora um bom tempo daquelas férias, enquanto a mulher só reclama da falta do marido em seus deveres conjugais. Ele não consegue parar de pensar em Alison. Interessante como a atriz Ruth Wilson entrega uma personagem cheia de nuances, em cada versão da história.

A narrativa é um primor e faz com que queiramos ver um episódio atrás do outro, como um vício. Quanto à questão da mentira ou das diferentes versões (ou complementos) das histórias, ela se ajusta bem a outro trabalho da dupla de criadores Hagai Levi e Sarah Treem, EM TERAPIA (2008-2011), que ao mostrar pessoas falando sobre suas vidas para um psicanalista também lida com o território da dúvida.

Um dos elementos que também se destaca em THE AFFAIR é a sensualidade. As várias cenas de sexo, que se não são tão gráficas, são bem passionais e cheias de beleza e desejo. Destaque para uma sequência em que Noah faz Alison ter um orgasmo apenas usando suas mãos, enquanto ao fundo vemos a bela praia. Ainda assim, é sempre bom dizer que a série, como trata de um relacionamento proibido, também traz uma atmosfera de suspense e perigo, além de ter uma subtrama envolvendo um crime ocorrido.

THE AFFAIR foi indicado ao Globo de Ouro nas categorias de melhor série (drama), melhor ator (drama) para Dominic West e melhor atriz (drama) para Ruth Wilson. A série foi renovada pelo canal Showtime para uma segunda temporada.

Nenhum comentário: